Paulo Felicíssimo

Já enviou 225 Definições.

225. Dogma

Dogma é um artifício irracional, criado por religiões e doutrinas políticas autoritárias para tornar inquestionáveis afirmações totalmente questionáveis.

224. Catedrais góticas medievais

Foram as únicas criações apreciáveis produzidas pelo homem durante a Idade Média (a era das superstições religiosas ), que até hoje enchem de júbilo e admiração todos aqueles que têm a capacidade de admirá-las. Não gosto do gótico inglês, à exceção da Catedral de Wells, mas aprecio enormemente o gótico francês (Catedrais de Reims, Strasburgo e Notre Dame de Paris), entre muitas outras, como também o gótico hespanhol ( Catedrais de Burgos e Santiago de Compostela, entre várias outras).

223. Onanismo

Durante todo o século 19 e até a sétima década do século 20, o onanismo, mais conhecido popularmente como masturbação, foi estigmatizado como coisa málévola e prejudicial à saúde, quando, muito ao contrário, foi reabilitado pela ciência médica como hábito fisiológico saudável, natural e até mesmo imprescindível ao completo desenvolvimento sexual humano, nada tendo de prejudicável como até então se supunha, quando então inventaram as mais exdrúxulas e absurdas formas de combatê-lo, inclusive com a castração dos renitentes.

222. Prática de ideologia marxista

É um abuso á a ser coibido pela, lei, como o foi pela Constituição de 1946, a melhor que o Brasil já teve, em oposição a de 1888, que foi a pior de todas, que criando o estado demagógico de direito e está destruindo o país. A Constituição de1946, proibia em um de seus artigos a existência de partidos políticos, cujos estatutos, geralmente os de conotação marxista, propugnavam pela existência de partido único,, no caso o do comunismo, o que é um atentado à democracia, que propugna pela existência da partidos múltiplos, mandamento central de todos os estados democráticos de direito. O presidente Dutra, que lutou e conseguiu a instituição desse princípio, livrou nosso país por longos anos, de 1946 a 1988, da existência dessa praga arcaica e anti-democrática, só existente nos países mais atrasados do planeta, e que é um ato de suicídio para com a democracia.

221. Falta de estimulo empresarial

Na maioria dos países do mundo civilizado, como forma de estimular a criação de pequenas empresas, os governos dão a elas isenção tributária federal, estadual e municipal, pelo prazo de 5 anos, para que possam se aprumar e vencer no mercado, para não acontecer o que ocorre neste triste Brasil, quando 92% delas fecham as portas, nos 2 primeiros anos, tudo porque todo mundo ganha, os governos federal estadual e municipal, o senhorio do imóvel alugado e os empregados, etc, menos o empresário, que ainda tem de arcar com os custos do fechamento da empresa. Isso é um vergonhoso abuso, produzido pela ganância sem limites do Poder Publico, que nunca consegue pensar a médio e longo prazos, quando seria o maior beneficiário. Eta paisinho de quinto mundo!

220. Invasão de imóveis

Em todos os países do mundo civilizado, quaisquer invasões de imóveis públicos ou particulares, para quaisquer fins que sejam, são considerados "casos de polícia" e assim são tratados, sendo os invasores imediatamente escorraçados pela polícia e indiciados por crime grave. Só em algumas raras republiquetas bananeiras do tipo do Brasil, governados por esquerdopatas e seus simpatizantes devidamente catequizados, por anos de doutrinação marxista, são tidos como casos a serem submetidos à apreciação da Justiça.

219. Denatran

Abreviatura de Departamento Nacional de Trânsito, de longe o órgão mais incompetente, em todos os tempos, da administração pública brasileira. Quase tudo que eles instituem ou regulamentam a respeito de trânsito é revogado pouco tempo depois, após causarem um enorme prejuízo aos motoristas, depois de concluírem que o que instituíram foi uma completa asneira.

218. Seres extraterrenos

Existem aos milhões, considerando a enormidade do universo, mas nunca se comunicaram conosco por uma razão muito simples: os seres inteligentes que têm a capacidade de se comunicar com a gente, à distância de dezenas, centenas ou milhares de anos-luz, têm um conhecimento tecnológico milhares ou até mesmo milhões de anos à frente da nossa ciência, estabelecendo um paralelo semelhante à distância tecnológica que nos separam das bactérias. Que interesse nos temos de nos comunicarmos com as bactérias terrestres? Para eles ( os extra-terrenos), considerando a distância tecnológica, nos enxergam da mesma forma: somos seres equiparados por eles às bacterias, sem qualquer possibilidade de qualquer afinidade. Pode até ser que até já vieram ou continuam vindo até aqui, mas nos observam como simples bactérias, sem qualquer interesse de comunicação. É a chamada hipótese do jardim zoológico.

217. Democracia

É um sistema de governo que muitos cientistas políticos consideram o menos ruim dentre todos os tipos de governo, mas que não funciona, de forma alguma, em países sub-desenvolvidos do terceiro mundo, com uma maioria votante de analfabetos, que o transformam em demagogia barata da pior espécie (estado demagógico de direito), manipulada por políticos altamente corruptos, muitos deles praticantes do arcaico marxismo, e que só pensam em assaltar os cofres públicos e nas próximas eleições.

216. Secretaria de defesa social

É um eufemismo hipócrita para designar o que realmente deveria se denominar Secretaria de Combate ao Crime. Chamar-se de Defesa Social esse tipo de Secretaria é, de antemão, psicologicamente falando, colocar-se em situação defensiva perante o crime, o que não leva a nada, infelizmente.

215. Novas nomenclaturas pioradas

Virou moda no Brasil achar que mudando o nome de um órgão ou concessionária de serviço público, esta instituição será renovada e melhorada. Ledo engano, mesmo porque o hábito não faz o monge e principalmente porque os nomes mudados são sempre piores que os anteriores e muitas vezes mais longos e difíceis de guardar, indo contra o princípio linguístico de que a melhor linguagem é aquela que expressa uma idéia com o menor número de vocábulos. Outro absurdo muito corrente é mudar o nome singelo de um ministério, pelo nome desse mesmo ministério acrescido dos nomes de outros departamentos do mesmo, que obviamente já estariam implícitos no nome geral anterior, pela sua própria natureza.É coisa de gente que não tem o que fazer e acha que mudar nomes - para pior - é, em si, uma reforma.

214. Tensão pré-menstrual

Tensão psíquica que ocorre durante o seu ciclo sexual (cio), mais conhecida pela abreviatura TPM, anterior à menstruação, em que algumas mulheres, na verdade uma minoria delas, ficam irritadas, ansiosas e tensas.

213. Caso de polícia

Convencionou-se chamar-se de caso de polícia, tudo aquilo que clama por uma solução drástica, radical e rápida para restabelecer sua normalidade, tal a gravidade do que foi instituído ou que se pretende instituir.

212. Ignorância enciclopédica

É a ignorância básica do nosso povo. Consultando as observações feitas por brasileiros sobre os vídeos do Youtube, constata-se facilmente que 99,9% dos comentários, feitos por gente de todos os níveis, são feitas em uma linguagem absurdamente errada, gente que, numa frase de 20 palavras, consegue cometer pelo menos 15 erros de português, erros de todos os tipos, desde falta de concordância, até erros crassos de grafia, pontuação, acentuação, etc. Não há nada que se possa esperar de um país habitado por gente desse nível intelectual, infelizmente.

211. A maioridade penal aos 14 anos

já deveria ter sido criada há muito tempo no Brasil. Não há que se falar, erradamente, que uma pessoa dessa idade não tem discernimento para distinguir o certo do errado, quando todos os psicólogos de cachorros e outros animais domésticos e todos aqueles que tem animais que convivem com os homens, sabem perfeitamente que mesmo as filhotes desses animais têm pleno discernimento do que é certo e errado e inclusive fazem fisionomias que demonstram claramente seus complexos de culpa quando são pegos praticando tais atos.


15 páginas - 225 Definições

Dicionário inFormal - Dicionário online de Português