Classificação morfossintática

Ode é um Substantivo, feminino singular ;

É uma composição poética, às vezes nem tanto, para ser cantada ou declamada, em homenagem a pessoa amada ou para enaltecer uma personalidade, seja numa solenidade festiva ou num funeral.
Teve origem na antiga Grécia, cultivada por Horácio e outros,
depois adotada em Roma, com Horácio, principalmente, e
a forma latina, mais tarde, se estendeu a Portugal. tendo Bocage como maior divulgador.
Usa estrofes simétricas, com mesmo número de versos.

ODE A UMA FLOR LUMINOSA

Nesse caudal amazônico
Com cintilantes cores,
Por um acaso bem irônico
Se deram os primeiros albores
De teu nascer tão harmônico.

Pelo plano salomônico
De uma vida sem dores,
Esse desvio sardônico
Daqueles do mal senhores
Não teve efeito agônico.

Vieste praqui como tônico
Saudada só por cantores
Pra ouvir meu brado eufônico
E saber entre mil flores
Que és meu amor platônico.

  


Louvor

Ode a São Francisco de Assis, o protetor dos animais.
  

Poema em louvor a algo a ou alguém.

Fiz uma ode cantando as belezas do Rio de Janeiro.
  


Composição poética, geralmente falada de forma rítmica.

Ode à língua portuguesa.
  

Outras informações sobre Ode:

Palavras com 3 Letras
A Palavra Ode possui 3 Letras
A Palavra Ode possui 2 vogais - o e
A Palavra Ode possui 1 consoantes - d
A Palavra Ode ao contrário: Edo
Busca reversa Onomasiológica por Ode

1 página - 4 Definições



Dicionário inFormal - Dicionário online de Português