Classificação morfossintática

Holocausto é um Substantivo, masculino singular ;

Hiroshima e Nagazaki foram os primeiros holocaustos reconhecidos pela humanidade.
Holocausto é o mesmo que um genocídio em massa ou muitas mortes devido aos rigores da guerra.
Na segunda guerra mundial aconteceu um holocausto e logo após , um outro tipo de aniquilação de seres humanos em massa ressurge em 1947 desta vez entre os habitantes da Palestina que de um momento para o outro passam a habitar seu próprio país como que aprisionados em campos de concentração administrados por agentes de uma nação hospedeira treinados para assassina-los.

Massacre de Sabra e Shatila, promovido por Ariel Sharon no campo de concentração israelita em território libanês.
  


Originalmente, o nome Holocausto é o mesmo que uma oferenda , um despacho feito aos deuses. Os antigos sacerdotes acreditavam que a cremação do corpo era um sinal de reverencia aos deuses. Com o tempo o nome holocausto tomou vários significados e hoje sinônimo de um falso argumento ou hipótese mal formulada usada na mídia contemporânea com o objetivo de mascarar os crimes de guerra (Hiroshima e Nagazaki) praticados pelas nações vencedoras e até mesmo ofuscar, o segmento dessas atrocidades, há mais de 50 anos na Palestina em nome de uma suposta doação divina que diz respeito a uma suposta Terra Prometida..

Palestina. Hiroshima, Nagazaki, faixa de Gaza
  


A palavra holocausto tem origens remotas, traduzido para o portugues, o nome Holocausto possui várias significados desde conflito historigráfico até uma oferenda, um despacho "de origem" que tanto pode ser feito a um Deus como aos deuses , já que os gregos acreditavam em multiplos deuses e não a um só salvador, como acreditam os crentes.

Os antigos sacerdotes do templo [[Olimpio]], por exemplo, acreditavam que a cremação, era um sinal de reverencia aos deuses. Com o tempo o nome holocausto adotou várias ocorrências catastróficas como a cremação dos habitantes da cidade de Pompeia ou a destruição das cidades de [[Hiroshima]] e [[Nagazaki]] no Japão, no entanto essas noticias não possuíam nenhum efeito emocional, afinal o que é queimar milhões de crianças japonesas indo para escola?.

No entanto, durante o julgamento de Nurenberg, contra os alemães, a hipótese de usar um holocausto entre os cidadãos judeus que viviam na Alemanha passou a ser cogitada entre os [[aliados]] e através de algumas fotos , acabou sendo definitivamente usadas como argumento que resultou na condenação e execução dos generais e ministros envolvidos no esquema nazista do premier alemão Adolfo Hitler (descendente de judeus) que não participou do julgamento por encontrar-se desaparecido ou teoricamente, morto e incinerado.

Com a implantação do estado Judeu na Palestina , essa nova versão argumento, passou a ser usada como propaganda para mascarar os crimes de guerra do movimento sionista contra a população árabe originária dessa região.

De tão certo o holocausto, com sua nova aplicação de chantagem emocional, esta sendo usado até hoje para ofuscar além do crime atômico, o segmento das ferocidades expansionistas do povo escolhido por Deus, em nome de uma suposta doação divina que diz respeito a alguma terra prometida pelo criador que eles afirmam ser na milenar Palestina.

Isso explica porque, há mais de 60 anos, todos os documentários históricos publicados nos meio de comunicação, exibindo as mesmas imagens do " usadas no julgamento incompleto em Nuremberg" são acompanhadas no uma pequena noticia de pé da página , cobrindo um insignificante incidente ocorrido em algum [[campo de concentração]] onde estão alojados até hoje (desde 1948) as famílias dos refugiados palestinos.

Aranha sem pernas não escuta.

Holocausto nosso de todos os dias

  

Holocausto é o tipo de oferenda a uma divindade no qual toda a oferenda é queimada; diferentemente do sacrifício, no qual as partes não comestíveis são queimadas (sangue, gordura, casco, rins...) e as partes boas são consumidas; ou a oblação, que é análogo agricultural do sacrifício, quando se oferece ao invés de um animal, um bem agrícola vegetal (flor de farinha, azeite, frutos).
Portanto, fazer holocausto é queimar por inteiro a oferenda, e isto o diferencia das outras modalidades de culto de oferenda.

É por isto que quando um inocente morre de maneira desnecessária, sem que se tire nenhum proveito de sua morte, se diz que foi feito um holocausto.
Também por isto, o holocausto hodierno é praticado pelos renunciantes totais, que vivem uma vida de austeridade extrema, silêncio, eremitismo... nada se ganha com isto, parece um consumo desnecessário da própria vida - isto é um holocausto.
Curiosamente, as pessoas curtem fazer holocausto, e não sacrifícios, no cristianismo. Sabe-se que os fiéis de algumas denominações são chamados a oferecerem sacrifícios a Deus como penitência, como os católicos na Quaresma. O que ocorre é que geralmente as pessoas param de comer carne, por exemplo. Ou chocolate, ou qualquer coisa assim. Param de fazer sexo, de beber água, de ver televisão.
Mas isto não caracteriza um sacrifício, no qual a pessoa haveria de se alimentar da parte boa de sua oferenda; que é ela mesma.
Sacrifício é fazer talvez estas coisas, mas muito mais cultivar no coração modos de viver melhor.
  


Sacrifício apresentado no altar.Que logo após ser apresentado vinha sobre ele a nuven da glória de DEUS(Shekinah).
LEVÍTICO, 6.1-5

Holo- todo causto-Queimado

Este é o ritual do holocausto...Levítico, 6.2
Levitico, 5
  

Sacrifício

Jesus deu-se em holocausto pela redenção da Humanidade.
  

Sacrifício, imolação, 1) como oferenda à entidades espirituais superiores ; 2) de vitima cujo poder de reação foi de alguma forma reduzido. Tradicionalmente a vitima deve ser consumida pelo fogo.

-..imolou-se a vitima em holocausto pela graça recebida.
Oferecer-se em holocausto, dar a vida por uma causa.
  

Termo usado para designar o ataque aos judeus, que causou a aniquilação deliberada de populações inteiras ocorrida na Segunda Gurra Mundial, e que pode ser comparado aos maus-tratos aos palestinos.

A população palestina, submetida a um holocausto, vem crescendo continuamente.
  

Holocausto é um sacrifício pleno, onde a oferta de animal, seja gado, ovelha ou ave, é totalmente queimada. A palavra Holocausto foi também usada para designar o genocídio dos judeus assassinados durante a segunda guerra mundial pelas forças militares nazistas lideradas por Adolf Hitler.

As duas ofertas diárias, uma pela manhã e outra pela tarde, feitas no santuário hebreu.
Genocídio dos judeus na Alemanha Nazista; Sacrifício.
  

Outras informações sobre Holocausto:

Palavras com 10 Letras
A Palavra Holocausto possui 10 Letras
A Palavra Holocausto possui 5 vogais - o o au o
A Palavra Holocausto possui 5 consoantes - h l c st
A Palavra Holocausto ao contrário: Otsuacoloh
Busca reversa Onomasiológica por Holocausto

2 páginas - 15 Definições



Dicionário inFormal - Dicionário online de Português